Publicidade
Acompanhe:
Esportes | Inter Clássico Gre-Nal 423

D’Alessandro segue como referência colorada

Meia foi um dos principais nomes da equipe de Eduardo Coudet no clássico Gre-Nal 423

Por Gustavo Henemann
Última atualização: 15.02.2020 às 19:39

D'Alessandro foi um dos destaques do Inter no clássico 423 Foto: Ricardo Duarte/Inter
A qualidade técnica do camisa 10 do Inter é indiscutível. D’Alessandro já provou em inúmeros clássicos que é a referência colorada em campo. E no Gre-Nal 423 deste sábado (15), no Beira-Rio, pela semifinal do primeiro turno do Gauchão, não foi diferente. Vale destacar que atuou como atacante, meia e até mesmo de lateral-esquerdo. Apesar de toda a entrega do gringo na etapa final, assim como de seus companheiros, o time não conseguiu traduzir as oportunidades em gols e acabou eliminado pelo maior rival. E se D’Ale foi o destaque positivo, o seu hermano Musto complicou as coisas no Gigante ao ser expulso antes do intervalo.

Com um jogador a menos em campo, D’Alessandro foi o responsável por puxar a equipe colorada para cima do Grêmio. O camisa 10 finalizou de fora da área, arriscou gol olímpico em cobrança de escanteio e serviu várias vezes os colegas de time. E no seu papel de capitão da equipe, o argentino também cobrou fortemente as desatenções da defesa rubra, que enfrentou muitas dificuldades sem a presença de Rodrigo Moledo. Bruno Fuchs não teve o mesmo entrosamento com Cuesta e, por vezes, comprometeu.

D’Alessandro sofre ao ter que voltar para marcar, isso é um fato consumado. Após a expulsão de Musto, o meia precisou recompor, o que prejudicou um melhor desempenho. Sua função com Eduardo Coudet é mais à frente, mas pelas circunstâncias do confronto precisou de uma doação maior.

A revisão que o novo treinador colorado precisará fazer não é em cima de D’Alessandro, pois ele mostrou neste clássico que possui condições físicas de segurar um jogo todo. Mas sim do que Musto agrega ao time.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.