Publicidade
Acompanhe:
Notícias | País Ousadia

Pesando 400 kg, estátua em monumento a Marechal Deodoro da Fonseca é furtada no Rio

Escultura em bronze tem em torno de dois metros de altura e representa a mãe do Marechal, dona Rosa Paulina da Fonseca

Por Agência Brasil
Última atualização: 17.02.2020 às 14:28

Estátua de 400kg em monumento a Marechal Deodoro da Fonseca foi furtada no Rio Foto: Reprodução/ TV Globo
Uma das estátuas que compõe o monumento em homenagem ao Marechal Deodoro da Fonseca, na Glória, zona sul do Rio de Janeiro, foi furtada neste fim de semana. A escultura em bronze pesa cerca de 400 quilos, tem em torno de dois metros de altura e representa a mãe do Marechal, dona Rosa Paulina da Fonseca. Deodoro da Fonseca foi o primeiro presidente do Brasil, entre 1889 e 1891.

A Gerência de Monumentos e Chafarizes, vinculada à Subsecretaria Municipal de Conservação, informou que fará o boletim de ocorrência sobre o furto nesta segunda-feira (17) para que a Polícia Civil dê início à investigação do caso.

No caso de vandalismo ou furto de grandes peças, como a da mãe do Marechal, é necessário fazer um levantamento orçamentário, depois uma licitação para que seja confeccionada uma nova escultura e feita a reposição.

Com um dos maiores acervos do país, a gerência cuida, atualmente, de 1.371 monumentos (entre bustos, esculturas, estátuas, relógios e chafarizes). O órgão informou manter um contrato de manutenção de cerca de R$ 900 mil. Os monumentos sob a tutela do município são vistoriados e os reparos necessários, como limpeza, conserto hidráulico, elétrico e reposição de pequenas peças são programados para que sejam executados ao longo do ano.

Um dos casos de maior repercussão no Rio foi o sumiço de seis vigas retiradas do Elevado Perimetral, na zona portuária, que pesavam mais de 110 toneladas. A Perimetral foi demolida como parte do projeto de construção do projeto Porto Maravilha.

Os óculos da estátua do poeta Carlos Drummond de Andrade, na Praia de Copacabana, também é alvo constante de furto. A estátua em bronze em homenagem a Noel Rosa, em Vila Isabel, na zona norte, é outro monumento cujas peças eram constantemente furtadas.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.