Publicidade
Botão de Assistente virtual
Esportes Esportes

Tite justifica Everton Ribeiro, Gabriel e Weverton por 'consistência no trabalho'

Por Marcio Dolzan
Publicado em: 13.01.2022 às 15:35 Última atualização: 13.01.2022 às 17:55

A presença de poucos atletas que atuam no Brasil entre os convocados para os dois próximos jogos da seleção nas Eliminatórias já era esperada, uma vez que os clubes do País estão retomando as atividades apenas esta semana. Ainda assim, três nomes que se tornaram frequentes nas listas de Tite foram chamados: o goleiro Weverton, do Palmeiras, o meia Everton Ribeiro, e o atacante Gabriel, ambos do Flamengo.

Por outro lado, o atacante Hulk, eleito o melhor jogador do Brasil na temporada 2021, e o lateral-esquerdo Guilherme Arana, ambos do Atlético-MG, ficaram de fora. Segundo a comissão técnica, pesou na escolha justamente o estágio atual de preparação e o "legado" na seleção.

Arana seria uma escolha bastante plausível para as duas próximas partidas, uma vez que Renan Lodi ficou fora da lista por ainda não estar com a vacinação contra a covid-19 completa. Tite, porém, optou por chamar Alex Telles, além do (provável) titular Alex Sandro.

"O Arana poderia estar? Sim, mas em função de ele ter jogado muito (na temporada passada), e não ter tido trabalhos mais específicos (no período de férias), também ficou alijado de uma concorrência maior", disse Tite. Vale ressaltar que o Atlético-MG só retoma as atividades na próxima semana, diferentemente da maioria dos clubes do País, que estão se reapresentando esta semana. "A gente procura se aprofundar, e todas as decisões que a gente têm vem com informações que são verificadas, checadas por cada um de nós, não são na base do achismo".

Sobre os três convocados, o técnico comentou sobre o histórico na seleção e também pelo fato de terem ficado de fora da última lista do ano passado, devido à reta final das competições. "A qualidade técnica do Everton (Ribeiro), do Gabriel Barbosa e do Weverton é consistente dentro da seleção brasileira", pontuou Tite. "Eles trazem consigo esse legado".

O treinador também falou sobre a nova convocação de Philippe Coutinho, que se transferiu para o Aston Villa e deve fazer sua estreia neste sábado. "Coutinho é um jogador de armação e de conclusão importante. Ele está retomando seu melhor nível - ficou sete ou oito meses parado -, está em uma condição de retornar (a jogar), possivelmente neste final de semana. (Temos) uma perspectiva de que ele possa ter a retomada do desempenho em alto nível".

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.