Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Canoas Conscientização

16 dias de ativismo sobre o cambate à violência contra a mulher

Atividades promovidas pela Prefeitura e entidades devem ser realizadas até o próximo dia 10

Publicado em: 24.11.2021 às 18:47 Última atualização: 24.11.2021 às 18:48

A campanha pelos 16 dias de ativismo para combater a violência contra a mulher, promovida pela Prefeitura de Canoas, por meio da Coordenadoria de Mulheres, teve início no último sábado (20 de novembro – Dia da Consciência Negra) e está com o término previsto para o dia 10 de dezembro (data em alusão ao Dia dos Direitos Humanos).

Estão previstas palestras, capacitações, encontros com promotoras legais, seminários, atividades com distribuição de materiais informativos e rodas de conversas. As atividades são em alusão a uma ação internacional que ocorre todos os anos, aderindo ao calendário da Organização das Nações Unidas (ONU), com ações diárias de conscientização de que a violência contra a mulher é um problema de todos.

Nesta quinta-feira (25), data internacionalmente conhecida como Dia Laranja, quando todas as entidades de combate à violência contra mulheres e meninas realizam ações, a Coordenadoria de Mulheres de Canoas irá promover uma atividade no Calçadão, com o tema “Violência contra a Mulher: sua evolução leva ao feminicídio. Observe os sinais. Denuncie”.

A secretária da Coordenadoria de Mulheres, Vani Piovesan, reitera a importância de fortalecer a REDE de enfrentamento à violência contra mulheres e meninas, ampliando a segurança e as oportunidades para que as vítimas de violência doméstica mudem suas histórias. “Nosso objetivo é esclarecer a população sobre esta realidade. Muitas passam por isto e desconhecem quais serviços devem procurar para interromper o ciclo de violência e de como devem agir nestas situações”, enfatizou.

Exposição

Desde a última segunda-feira (22), uma exposição de quadros feitos pelas socioeducandas do “Projeto Meu Querer” do Centro de Atendimento Socioeducativo Feminino (Casef), está exposto no saguão do Paço Municipal (Rua 15 de Janeiro, 11, Centro). As obras foram pintadas por adolescentes internas da instituição. Semanalmente, elas podem escolher uma área de interesse para estudar e aprender, proporcionando autonomia nas suas rotinas.

Ativismo


Conhecido como "Os 16 Dias de Ativismo", o movimento começou em 1991, quando mulheres de diferentes países, reunidas pelo Centro de Liderança Global de Mulheres (CWGL), iniciaram uma campanha com o objetivo de promover o debate e denunciar, mundialmente, as várias formas de violência. A data é uma homenagem às irmãs Pátria, Minerva e Maria Teresa, conhecidas como Las Mariposas, assassinadas em 1961 por integrarem a oposição ao governo, na República Dominicana.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.