Publicidade
Botão de Assistente virtual
Opinião OPINIÃO

São Leopoldo define teto das horas-extras para o semestre

Por Thiago Padilha
Publicado em: 13.07.2022 às 15:00 Última atualização: 13.07.2022 às 16:11

A Prefeitura de São Leopoldo publicou no Diário Oficial do Município (DOM) decreto que limita a quantidade de horas extras que podem ser realizadas pelos servidores municipais entre julho e dezembro deste ano. Ao total, o teto é de 115.849 horas extras para o período. O volume é maior o teto de 108.990 no primeiro semestre.

A Secretaria de Saúde (Semsad) é a que tem o maior número de horas extras autorizadas, 42,4 mil; seguida pela de Segurança Pública e Defesa Comunitária (Semusp), 33,6 mil; de Educação (Smed), 12,8 mil; de Assistência Social (SAS), 9,5 mil; de Mobilidade e Serviços Urbanos (Semurb), 6,1 mil; e de Obras e Viação (Semov), 4,7 mil.

A lista também contempla a Administração (3 mil horas extras),o Gabinete do Prefeito (1 mil), Desenvolvimento Econômico, Turístico e Tecnológico (929), Meio Ambiente (751), Geral de Governo (454) e Cultura (153).


O artigo publicado neste espaço é opinião pessoal e de inteira responsabilidade de seu autor. Por razões de clareza ou espaço poderão ser publicados resumidamente. Artigos podem ser enviados para opiniao@gruposinos.com.br
Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.